clockTempo de visualização: 04:13Publicado em 28 de maio de 2015

Wole Soyinka e Tara June Winch

Mestre e discípula Rolex de Literatura, 2008-2009

Considerando que a tutoria é “um processo de desenvolvimento”, Wole Soyinka, primeiro africano a receber o Prêmio Nobel de Literatura, incentivou a discípula Tara June Winch nos momentos em que ela se sentia atormentada por dúvidas sobre seu trabalho como escritora. Segundo Wole Soyinka, quando uma pessoa escreve, inclusive ele próprio, “tudo é caótico”. É o trabalho posterior de reescrever que caracteriza o verdadeiro escritor.

Descubra nossos vídeos relacionados