Oscar EkponimoUm software que reduz o desperdício de alimentos

Publicado em 2016clockTempo de leitura: 50s
scroll-down

Segundo estimativas, a fome é a realidade cotidiana de 13 milhões de nigerianos, mas um engenheiro de software empreendedor pretende atenuar esse sofrimento graças a um software que redistribui alimentos para pessoas necessitadas, e ainda reduz o desperdício.

localizaçãoNigéria

Oscar Ekponimo sabe muito bem o que significa ir à escola com o estômago vazio. Quando tinha 11 anos, seu pai foi diagnosticado com uma doença grave. Perdeu o emprego e, com ele, a única fonte de renda da família. “Durante os três anos seguintes, a comida era escassa lá em casa”, lembra. “Já ficávamos satisfeitos quando conseguíamos fazer uma refeição leve por dia”. Essa experiência fez dele um homem determinado a evitar que outros sofram o mesmo drama.

Percebi que havia uma oportunidade para proporcionar alimentos mais em conta a milhões de pessoas e, além disso, fornecer um sistema sustentável para os varejistas gerenciarem os produtos com data de validade prestes a vencer. É uma solução em que todos saem ganhando.

Engenheiro de software em Abuja, capital da Nigéria, Ekponimo desenvolveu o aplicativo “Chowberry”, que alerta os varejistas quando o prazo de validade do alimento embalado está vencendo por meio de um código de barras. Assim, eles podem oferecer descontos aos consumidores de baixa renda ou a entidades de assistência social. Uma experiência piloto de três meses, lançada com a participação de 20 varejistas, revelou-se um verdadeiro sucesso, tendo beneficiado 300 pessoas nas cidades de Lagos e Abuja, proporcionando alimentos para 150 órfãos e crianças vulneráveis.

Com seu Prêmio Rolex, Ekponimo pretende aperfeiçoar o software e ampliar sua capacidade a fim de incorporar um número maior de parceiros varejistas. “Quando penso nos milhões de pessoas privadas de alimentos que contam comigo para lhes dar um pouco de reconforto, fico ainda mais motivado para fazer com que o Chowberry seja um sucesso”, afirma.

  • 13 milhões

    Número estimado de nigerianos que passam fome diariamente

  • 70%

    Dos nigerianos sobrevivem com menos de 1,25 dólar por dia

Programa

Prêmios Rolex de Empreendedorismo

Descubra

Compartilhe esta página