Les StockerSOS animais selvagens

Publicado em 1990clockTempo de leitura: 55s
scroll-down

Nos anos 1970, o inglês Les Stocker, profissional de contabilidade, salvou seu primeiro "paciente" – um ouriço‑pigmeu. A partir de então, decidiu transformar a atividade de veterinário, que praticava como passatempo, numa campanha que resultou na criação de um hospital escola para animais selvagens mundialmente conhecido.

localizaçãoReino Unido

Em todos os sentidos, o inglês Les Stocker teve uma vida extraordinária. Sem nenhuma formação em veterinária, era mundialmente respeitado como uma das maiores autoridades em assistência a animais selvagens, com base em uma experiência construída ao longo de 40 anos de trabalho. Les Stocker faleceu em julho de 2016.

Um animal sempre luta para viver se dermos uma chance a ele. É a mesma reação de um ser humano em situação de sofrimento. No final, quando vemos o pássaro ou animal voltando à natureza depois de curado, a sensação é de missão cumprida.

Contador de profissão, em 1983 ele fundou, em Buckinghamshire, o hospital Tiggywinkles, primeiro estabelecimento desse tipo para animais selvagens do país. Foi também um grande defensor de novas abordagens no tratamento de animais selvagens feridos ou doentes. No final dos anos 1970, quando adaptou uma edícula no jardim para cuidar de animais feridos nas horas vagas, o mais comum era sacrificá-los.

Les Stocker dedicou sua vida a pesquisar e desenvolver métodos para tratar diversos tipos de animais – texugos, sapos, falcões e muitos outros. Autor de 14 livros de veterinária usados como referência ao redor do mundo, ele costumava contratar veterinários qualificados para realizar cirurgias que ultrapassavam suas competências de amador. Desde que Les Stocker foi agraciado com o Prêmio Rolex, em 1990 – o que, segundo ele, deu mais credibilidade a seu trabalho –, seu Wildlife Hospital Trust recebeu mais de um milhão de telefonemas de pessoas de diversas regiões do mundo que solicitavam orientação veterinária.

Reconhecido como especialista em primeiros socorros e reabilitação de animais selvagens, Les Stocker recebeu o título de MBE (Member of the Order of the British Empire) pelos serviços prestados à fauna, além de ter sido nomeado Sócio Honorário do Royal College of Veterinary Surgeons em 2002.

  • 330

    Número de páginas do livro Practical Wildlife Care, de Les Stocker, sua obra mais popular sobre tratamentos de animais selvagens

  • 40

    Funcionários trabalham no Wildlife Hospital Trust, entre os quais 12 enfermeiros e um cirurgião veterinário residente

  • 30

    Por cento dos 10 mil "pacientes" que o Tiggywinkles recebe por ano são ouriços-pigmeus.

Programa

Prêmios Rolex de Empreendedorismo

Descubra

Compartilhe esta página