Nancy Jones AbeiderrahmaneQue tal um pouco de leite de camela?

Publicado em 1993clockTempo de leitura: 55s
scroll-down

Nancy Jones Abeiderrahmane foi responsável por criar a primeira indústria de laticínios no continente africano. Seu pioneirismo promoveu uma mudança de paradigma no setor de pecuária e gerou melhorias na qualidade de vida da população da Mauritânia, país em que escolheu viver.

localizaçãoMauritânia

Nos anos 1970 e 1980, castigada pela dura realidade da vida no noroeste da África, onde longos períodos de seca e ataques de nuvens de gafanhotos regularmente devastavam as áreas de pasto, a poulação nômade da Mauritânia começou, gradativamente, a migrar para as cidades. Com a mudança para as zonas urbanas, os mauritanos deixaram de ter acesso ao principal alimento do país: o leite de camela.

Graças à produção de laticínios, os métodos tradicionais de manejo de rebanhos estão sendo suplantados. A população começa a ver a criação de animais como uma autêntica atividade econômica e não apenas como um estilo de vida transmitido de geração em geração.

Para solucionar esse problema, Nancy Jones Abeiderrahmane decidiu fundar, em 1989, uma indústria de pasteurização de leite e fabricação de queijo de camela, a Laitière de Mauritanie, que mais tarde passou a se chamar Tiviski. Graças à implementação de novos métodos de manejo de animais e ao lançamento de um novo produto, o queijo, Abeiderrahmane criou uma fonte de renda regular para a população rural. No entanto, embora tenha superado as dificuldades técnicas que envolviam a produção industrial de queijo de camela, Nancy Abeiderrahmane não conseguiu vencer as restrições comerciais que impedem a exportação do produto.

Em 2001, a fábrica foi ampliada para 1.800 m² e passou a comprar e processar, por dia, até 21 mil litros de leite de camela, vaca e cabra. Atualmente, as instalações fabricam cerca de 20 produtos que em seguida são comercializados no mercado local. Embora a fábrica hoje seja dirigida por sua filha e seu genro, Nancy Abeiderrahmane ainda atua como consultora no desenvolvimento de produtos derivados de leite de camela. Em 2013, Nancy publicou o livro Camel Cheese - Seemed Like a Good Idea.

  • 200

    Funcionários trabalham na fábrica de laticínios

  • 20.000

    Litros de leite são produzidos por dia

  • 1.000

    Pastores fornecem o leite fresco

  • 3.000

    Famílias tiram seu sustento da fábrica de laticínios

Programa

Prêmios Rolex de Empreendedorismo

Descubra

Compartilhe esta página